Business Insurance 101: O que você precisa saber

Então você entrou no negócio. Você viu uma abertura no mercado ou inventa um novo pensamento esplêndido. Você tem coisas em andamento e possivelmente começou a lucrar. Em suma, antes de você dar um passo adiante, é uma oportunidade ideal para considerar a proteção de seus negócios. Considerando tudo, você partiu para iniciar sua própria organização e isso implica que você deve moderar esses perigos admiravelmente bem. é confiavel

A realidade básica sobre inclusão e organizações é que você precisa. Tudo o que você tem para o seu negócio, de veículos a obrigações essenciais, requer proteção. Sem isso, você pode colocar tudo o que trabalhou em risco, abrir-se para questões devastadoras relacionadas ao dinheiro ou até mesmo desconsiderar a lei. No entanto, para não se estressar, aqui estão alguns detalhes sobre a inclusão de seus negócios que podem permitir que você obtenha a garantia de que precisa para ter sucesso.

Tipos de seguros de negócios

A principal coisa que você precisa compreender sobre inclusão e seus negócios são os vários tipos que existem. Dependendo do seu negócio, você pode exigir tipos explícitos de proteção. Como regra, a inclusão comercial pode ser paralisada em três classes gerais: proteção para proprietários ou cúmplices e trabalhadores-chave, inclusão de renda e propriedade comercial e proteção de obrigações. Aqui está um detalhamento de cada tipo único.

Proteção para proprietários de empresas, parceiros e funcionários-chave

Com a chance de você possuir um negócio, você precisa de tipos explícitos de inclusão, dependendo de como o seu negócio está configurado. Eles podem incorporar, mas não estão restritos a:

• Proteção à vida – essa inclusão garante à sua família se algo acontecer. Se você for o único proprietário do seu negócio, essa proteção é fundamental, pois os empreendedores estão realmente sujeitos a todas as obrigações do negócio.

• Proteção contra deficiências – se você for prejudicado ou ficar doente, a proteção contra incapacidade lhe dará um salário por um período de tempo predefinido.

• Proteção de parceria ou inclusão de compra e venda – Se você tem um cúmplice em seus negócios, essa proteção permitirá que você compre as ofertas de seus cúmplices e continue mantendo os negócios em caso de desaparecimento.

• Proteção contra doenças críticas – Se você ficar doente fundamentalmente, essa inclusão fornecerá uma quantia única de dinheiro para ajudá-lo na circunstância.

• Proteção individual chave – essa inclusão garante a você o desaparecimento ou perda dos representantes mais críticos para os seus negócios.

Proteção para ganhos de negócios e propriedades

Além da inclusão que protege as pessoas, sua empresa também pode exigir os tipos de proteção que acompanham para garantir suas vantagens e renda. Lembre-se de que as organizações que apresentam falta de sua casa podem exigir inclusão além da proteção da sua casa. É sempre bom pensar em entrar em contato com sua organização de inclusão para falar sobre manter um negócio fora de casa.

• Proteção de propriedade – essa inclusão abrange todas as estruturas ou propriedades reivindicadas por sua empresa com a possibilidade de ocorrer incêndio ou pulverização, tremores sísmicos, escorregas torrenciais e outras catástrofes desse tipo.

• Proteção de conteúdo – Se você possui um imóvel ou edifício que armazena itens para o seu negócio, por exemplo, um depósito ou fachada de varejo, esse acordo cobre a perda dessa substância. Observe que, independentemente de você estar alugando espaço, você pode, de qualquer forma, exigir proteção de substância, pois seu aluguel provavelmente o responsabilizará pelo que colocar dentro do espaço alugado. Os empreendedores domésticos devem entrar em contato com suas agências de seguros para conversar sobre o que deve ser incorporado à sua estratégia doméstica.

• Proteção contra interferência nos negócios – Quando ocorrer um desastre, esse acordo cobrirá você pelo tempo em que sua empresa não puder continuar funcionando com sua proficiência legítima.

Esboço:

Tornar-se um agente independente é uma notoriedade extraordinária para o público em geral, mas os problemas enfrentados pelos empresários desde o início de seus negócios são colossais. É um teste incrível para um indivíduo vencer todos os obstáculos e se transformar em um empresário frutífero. A questão variada analisada por todos é a conta. De fato, até os incríveis visionários de negócios de diferentes empresas enfrentaram uma grande quantidade de emergência monetária para montar seus negócios e manter suas tarefas diárias. Portanto, o fundo assume um emprego significativo na vida dos agentes. Bons pensamentos exigem a ajuda importante relacionada ao dinheiro para surgir em um negócio frutífero.

Apresentação:

Existem diferentes pontos de acesso para os representantes levantarem capital para seus negócios. A fonte mais acreditada é dos bancos. Existem diferentes razões pelas quais as pessoas escolhem os bancos como o melhor ponto de acesso para levantar capital para seus negócios. Os bancos oferecem um custo menor de ativos como empréstimos para empresas. Existem diferentes tipos de adiantamentos de negócios com taxas diferenciadas de empréstimos para incentivar os empresários a desvendar suas emergências monetárias.

Tipos de empréstimos comerciais:

As organizações são de vários tipos e precisam de fundos em várias fases de suas tarefas comerciais. Sendo a necessidade igualmente única, os bancos os ajudam a conceder vários tipos de créditos comerciais, ajudando diferentes pequenas e médias empresas a obter capital.

Empréstimo para novos projetos – Os bancos estão interessados ​​em financiar novas organizações e, além disso, novos empreendimentos comerciais existentes. Existem diferentes critérios para obter o avanço de novas tarefas e os contrastes de banco para banco. Os créditos de tarefas são endossados ​​contra o seguro do indivíduo, como propriedade privada, propriedade comercial ou terra nula.

Complementação de empréstimos existentes – Esses adiantamentos são concedidos para o desenvolvimento, substituição e ampliação de um negócio atual. Esses créditos são afirmados no momento presente ou na premissa de longo prazo para a compra de mercadorias, aparelhos ou quaisquer recursos fixos para a organização.

Empréstimos para capital de giro – Esses créditos acomodam o negócio para resolver emergências monetárias inesperadas e são reembolsados ​​em breves períodos. Os bancos estão progressivamente interessados ​​em conceder créditos de capital de giro contra seus estoques, ações ou contas a receber da organização.

Empréstimo comercial verificado – Avanços nos negócios em que as organizações aumentam seu capital contra qualquer segurança do banco. Pode incorporar parcelas, locais privados ou comerciais, ouro, ações, encargos e proteção como garantia para obter ativos para seus negócios. O custo do empréstimo é idealmente menor.

Empréstimo comercial não consolidado – Todo especialista não pode comprometer-se a obter uma garantia na obtenção do crédito comercial, portanto, os financiadores os ajudam com adiantamentos sem segurança dependente de trocas bancárias e formulários pessoais do governo. Esses avanços são acusados ​​de mais custos de financiamento quando comparados aos avanços comerciais verificados.

Necessidades dos bancos:

Existem diferentes avanços e técnicas adotados pelos bancos para dar reservas. O sistema e arquivos a serem submetidos aos bancos conforme

Evidência de caráter e endereço da organização – Verificação de endereço e confirmação de personalidade da associação ou empresa proprietária.

Registro legal e legal da organização – se a organização está legitimamente inscrita nos padrões do governo e se seguiu toda a metodologia legitimamente no estabelecimento de negócios.

Resumo do orçamento da organização – Todo banco está interessado em observar a troca de negócios em andamento da organização em 1 ano.

Formulários de despesas anuais – O ITR faz com que os investidores verifiquem a execução dos negócios, o nível de proficiência, os recursos e os passivos da organização e, além disso, cobram que a organização pague com sua renda atual. Além disso, isso pressupõe um trabalho significativo na escolha da quantia de crédito para os especialistas.

Segurança monetária – incorpora os recursos fixos e versáteis da organização, o que leva o corretor a considerar um incentivo para os créditos comerciais dependentes do benefício, juntamente com as trocas comerciais. Isso também protege os bancos da decepção dos empresários que negligenciam o reembolso do montante do crédito.

Faixa de empréstimos passados ​​- Esse é um fator significativo considerado pelos bancos, que lhes permitirá avaliar o estado monetário dos negócios e, além disso, acompanhar os reembolsos anteriores de créditos.

• Proteção contra interferência nos negócios – Quando ocorrer um desastre, esse acordo cobrirá você pelo tempo em que sua empresa não puder continuar funcionando com sua proficiência legítima.